2007-03-01

Em ti pousar...



Abrindo os braços como asas
Sobre o infindo mar
Não importa o que faça
Desde que saibas voar!

Falo não de planar ao vento
Não de na boca ter sabor a salgado
Falo da oportunidade do momento
O breve, de estar a teu lado!

Sei que nada sou ou muito pouco
Sei que sonho e que sou louco
Sei que bato asas e quero voar
Más é só no sonho de em ti pousar!

4 comentários:

tb disse...

Mais um momento poético para nosso deleite...
Beijinhos

Å®t_Øf_£övë disse...

Mitro,
E quando se sonha com tanta convicção, mais tarde ou mais cedo acabamos por transformar os sonhos em realidade.
Abraço.

Aleisa disse...

Quem voa como Tu voas só pode pousar no sitio certo.

Um beijo

Catarina Ferreira disse...

quanto mais alto se voa de mais alto se cai,mas se nunca cairmos, nunca aprendemos! então voa o mais alto que puderes e garanto-te que vais pousar no sítio certo!
***