2014-02-06

Ver o mundo a mudar sentado no sofá


Não sei se antes de nascermos estamos a dormir
E depois ao nascer nos acordam para este devir
Contudo andamos por cá, a tentar despertar
Sentados no sofá, a ver na TV o mundo a mudar
Talvez devesse vencer a inércia e lutar
Tornar o mundo um lugar melhor de se viver
E não apenas passar por aqui, até morrer
Dizem que a apatia nos apanha e congela
E não lutamos, ficamos presos à vida bela
Os comodismos e confortos a ganhar espaço
O mundo perde o brilho fica baço
Mergulhado em diversas crises e pecados
E tudo que fazemos é ficar especados
Vendo acontecer, espectadores passivos
Afinal, mais mortos que vivos!

2 comentários:

Nina Porcelain Lennitta disse...

Belo e pertinente... quando era mais nova eu tinha uma máxima, à qual ainda hoje me tento agarrar: se formos o melhor que pudermos ser, já estamos a melhorar o mundo - o nosso, e o dos que nos rodeiam. Se todos o fizessem, o mundo seria um paraíso. É mais difícil do que parece mas, ainda assim, acho que mudar o mundo é capaz de ser mais fácil do que parece! ;)

Arco-Íris de Frida disse...

"Mude, que quando a gente muda o mundo muda com a gente"... ja dizia o poeta...