2009-07-10

Chuva Existencial



Lágrimas, como chuva na vidraça,
Que a vista embaça,
Mas com o tempo, tudo passa...

Angústia, como sede no deserto,
O sono interrompido, desperto;
Estive lá quase, quase tão perto!

Vida curta, empanturrada de nada!
A voz de Deus, continua calada,
E morremos, com a alma afogada!

4 comentários:

Erotic Spirit disse...

Ah Mitro life is never full of nothing, its full of the experiences and feelings, its heavy on the soul

:)

Emanuela disse...

É amigo...com o tempo, tudo passa! Até a vida...
Beijos


Boa semana

Å®t Øf £övë disse...

Mitro,
Como as ondas do mar, tudo na vida vai e vem, por isso tudo passa, e tudo sempre passará. Passam os bons, e os maus momentos, porque nada é estático... nada é definitivo... nada é imutável...
Abraço.

Porcelain Doll disse...

Está lá quase, tão perto... falta mesmo tão pouco, só mais um esforço... e um dia verás que é longa a tua vida... e cheia de tanta coisa importante que agora não consegues vislumbrar... a voz de Deus faz-se ouvir.... mas já não acreditas nela... porque ela agora faz-se ouvir de outra maneira... de uma maneira que ainda não estás habituado a ouvir...

Vai ficar tudo bem... prometo.. :)

Beijos!