2007-07-28

Sob o olhar da madrugada!




Sei a dor de cor,
Aquela que vem,
Antes de adormecer,
E fica a noite toda!
(Que feliz sou, por ainda dormir!)
Acordo com o sol do teu nome
A entrar pelas persianas da alma!
Inventei-te em mim,
E tudo o que penso,
Tudo o que respiro,
Tem o teu perfume!
Todas as palavras sabem a ti,
Sob o olhar da madrugada!

25 comentários:

Inês Xein disse...

É o que faz andar apaixonado... Até nos tira o sono! Pode ser bom, muitas vezes é cruel!

Sente-te!

Joana disse...

olá...muito obrigado pela tua visita a o meu cantinho:)
também gostei de passar por aqui....as tuas palavras são intensas..
é o amor..eu sei..ele faz dessas coisas
beijoo doce

Olhos de Mel disse...

Hum... que lindo! Sei bem quanto esse perfume nos tira o sono! Esse cheiro de pele, que nos faz tão donos...
Obrigada pela visita. Volte, sim?
Que sua semana seja maravilhosa!
Beijos

Olhos de mel disse...

Obrigada pela visita! Gostei imensamente! Volte, sim?
Nas madrugadas é que as paixões nos levam ao delírio tirando-nos o sono. Lindo! Adorei seu espaço e vou voltar.
Boa semana! Fique com Deus!
Bjs

violetta disse...

E com a dor nasce essa tua inspiração, que se traduz neste fantástico poema (entre tantos outros) .

Utzi disse...

Também a mim a madrugada inspira... :)Lindo poema.

Beijos

Secreta disse...

Tudo sabe ao amor sentido.
Beijito.

Calimera disse...

Criaste o teu ideal e sonhas, mas atira-te à vida e procura-a.

Bjsss

Mestre disse...

Vim agradecer a simpática visita.
E aproveitei para dar uma espreitadela...calmamente...
Gostei do que vi...voltarei de novo.
A minha porta fica aberta para ti.

Diva disse...

Amor e dor... tao proximos do sonho.
Vitais.
Belos poemas nos ofereces aqui...
Bjs meus

gasolina disse...

As palavras sabem a quem se ama.
As tuas souberam-me bem.

Um beijo.
Grata pela tua ida ao "Flor".

gata disse...

olá. vim conhecer o teu cantinho e....não me apetece sair daqui!

Deixo-te um beijo

Marrie disse...

Obrigada pela visita. Depois voltarei c/mais calma p/ler-te!
bjs

Ana disse...

Sob o olhar da madrugada, mudas a alma de casa e neste poema reinventas o perfume do Amor.

Lindoooo...

Dhyana disse...

A saudade a falar...
Beijos...

Erotic Spirit disse...

Came to thank you for the visit to my little corner. Beautiful work!! ... tudo tao sentido ...

:)

Tati disse...

É impressionante como a noite, qdo quer, consegue deixar tudo mais amargo...Ela com sua bela cara e seu dom de atordoar.

Gostei muito do post. A devoção amargurada, a noite negra (!)...E que felizes nós, por ainda dormir, nesses momentos!

gata disse...

é sim!!

gasolina disse...

A entrega como um todo.

...Só assim vale a pena.

Beijinhos.

Grata pela visita de sorriso rasgado.

Lia disse...

Não é apenas o universo que apesar de milhões de fontes de luz, continua na escuridão...

E na madrugada, que certezas podemos ter de que não se trata apenas de um sonho...

Um beijo

Claudia Perotti disse...

Belo!
Agradeço a visita.
Beijinhossss

luafeiticeira disse...

Isto não é um blog, é um poema em forma de blog. Parabéns! Ainda bem que deixaste um comentário no meu, só assim tive oportunidade de conhecer este Poema.
Beijos enfeitiçados

Op.Louca disse...

Em primeiro lugar, agradeço-te a visita e o comentário feito lá no River...

Quanto ao poema.. Gostei... Muito Love. Sortuda a menina a quem dedicaste tu estas lindas palavras!

Beijinhos ; )

SF disse...

Sei bem do que falas... também conheço de cor essa dor. Dói demais!
Boa sorte :)

Kapikua disse...

Grande Poema!
Abraço